Técnica olímpica de canoagem recebe homenagem durante sessão na Câmara de Osasco

por adm publicado 16/09/2021 09h55, última modificação 16/09/2021 11h12
A osasquense Angélica Rozalen comandou equipe brasileira na Paralimpíada de Tóquio.
Técnica olímpica de canoagem recebe homenagem durante sessão na Câmara de Osasco

A técnica Angélica Rozalem e o Vereador Josias da Juco. Foto: Robson Cotait.

Por Deniele Simões

A técnica da equipe brasileira de canoagem que esteve nas Paralimpíadas de Tóquio 2020, a osasquense Maria Angélica Rozalen, foi homenageada pelo parlamento osasquense durante a 21ª Sessão Ordinária, na última terça-feira (14).

Os vereadores aprovaram a Moção de Aplauso 367/2021, de autoria do vereador Laércio Mendonça (PSD), enaltecendo a atuação de Angélica em Tóquio, encerrada em setembro, e no Mundial da categoria na Hungria, realizado em maio de 2021.

“O esporte está no meu sangue e de muitos que estão nessa Casa. Falar de pessoas que elevam o nome dessa cidade é muito importante”, disse o vereador Laércio, que parabenizou a técnica pela atuação brilhante em Tóquio. “Parabéns por tudo que você representa. Você levou o nome da nossa cidade ao mundo”, acrescentou.

Paralimpíadas

Segundo informações da Confederação Brasileira de Canoagem (CBC), a equipe de paracanoagem fechou a participação nas Paraolimpíadas de Tóquio com três medalhas: uma de ouro e duas de prata.

O paratleta Fernando Rufino ficou com o ouro na categoria VL2. Giovane de Paula faturou a prata no VL3 e Luís Carlos Cardoso ficou com a outra prata no KL1.

A equipe paralímpica brasileira é chefiada por Leonardo Maiola. Os técnicos são Maria Angelica Rozalen e Thiago Pupo e Carolina de Lazari é a fisioterapeuta responsável.